“Histórias que inspiram com Jéssy Gomes”

“Nasci em um lar cristão, meus pais são pastores, então, desde muito cedo eu tive contato com louvor e adoração. Sou pernambucana e fui pra São Paulo com 2 anos idade. Retornei para Pernambuco com 10 anos e estou aqui até hoje. Sempre fui envolvida nos grupos de louvores da igreja, o que me despertou cada vez mais o amor pela música. Na adolescência, Deus começou a me fazer promessas através do louvor e aos meus olhos pareciam impossíveis, mas, Deus é aquele que faz além do que pedimos ou pensamos.
Eu ficava sem entender como Ele iria fazer, eu me sentia incapaz, pois, eu era uma adolescente muito tímida, o medo me paralisava de alcançar o extraordinário de Deus. Porém, eu não parava de orar pedindo para Deus me mudar e moldar.
Existia um sentimento de inferioridade dentro de mim e, foi a partir disso, que Deus começou a obra. Com meus 22 anos, em 2016, esse sentimento começou a sair do meu controle, me levando a uma depressão profunda, a qual fui deixando me tomar pelo medo e achar que minha vida não tinha valor, não conseguia organizar meus pensamentos e isso foi afetando a minha saúde mental, ouvia muitos conselhos, mas, não conseguia aplicar, era como se nada fizesse sentido. Só que tudo fazia parte dos planos de Deus.
Em todo tempo minha mãe Niza Gomes esteve ao meu lado, acreditando na minha melhora, ela dizia sempre: minha filha é boa, nem por um segundo me deixava, só porque temia eu fazer algo contra a minha vida. Ela que fazia tudo pra mim, pois, nem os meus cuidados pessoais eu conseguia fazer, se deixassem eu ficava dia e noite no quarto isolada pra sair. Tudo isso foi afetando meu cérebro, comecei ver coisas que não estavam acontecendo, sentia que o mundo estava acabando, cheguei a tentar suicídio, não falava, não conseguia ter contato social, comecei a ter raiva das pessoas, me tornei uma pessoa sem sentimentos, não chorava, não sentia dor. Chegou a um ponto que muitos falavam que não tinha jeito e que eu tinha enlouquecido. Minha mãe começou a fazer campanhas de oração em casa e com os irmãos da igreja, vários dias pela minha vida, colocavam louvores todos os dias em casa e Deus começou a agir no mundo espiritual. Porque era algo pra impedir eu viver o que Deus tinha pra mim.
Me recordo uma vez, eu sozinha com pensamentos de morte, ouvir uma voz dentro de mim que dizia: que se eu tirasse a vida a minha, a dor continuaria e o que parecia ser a solução, seria uma dor sem fim. Naquele momento eu parei e dei ouvido aquela voz, dobrei os joelhos e pedi perdão ao meus Deus, por aqueles pensamento! Eu senti o perdão de Deus, eu senti uma paz! A partir dali, tudo foi mudando e voltei a cantar em casa, o que deixou todo mundo feliz, pois, foram meses sem ouvir minha voz. Sempre gostei de escrever e compor, então, familiares começaram a pedir pra que eu cantasse, minhas músicas, que uma delas tem por nome ’Temo de Sorri’, e aos poucos, eu fui melhorando, voltei fazer minhas coisas, retornei a usar as redes sociais, comecei fazer lives, as quis abriram portas pra mim! Comecei a participar de programas de rádios, tv , igrejas louvando e falando o que Deus faz! Gravei a música tempo de sorrir, me casei com Magno, meu amado esposo, que tem sido uma benção e apoio na minha vida e ministério. Deus moldou meu interior, me deu ousadia e confiança. Aprendi que cada vida tem muito valor para Deus, Ele me livrou dos medos, da culpa, da timidez, do passado. Me deu uma nova vida, me transformou e cada dia tenho experimentado desse amor que lança fora todo o medo! Hoje, sigo cantando e falando do amor que salva!”

@jessy_gomes_oficial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *